Após furtar mais de mil peças intimas de varais, homem é preso usando um dos modelos

Um homem, de 41 anos, foi preso com 1045 roupas intimas escondidas em um quarto de sua casa, em Turmalina, no interior de Minas Gerais. Ele usava uma das peças no momento da prisão.

De acordo com a Polícia Militar, o homem furtava as calcinhas e sutiãs de cercas, varais e lojas e possivelmente muitas das 8.880 mulheres do município já foram vítimas dele.
As lingeries estavam debaixo da cama, dentro do colchão e no guarda-roupas. Em 2015, foram registrados o furto de 301 peças intimas na cidade vizinha da Capelinha.

O número de peças, segundo o tenente da PM, André Dale, deve ser bem maior, mas as vítimas muitas vezes não registram queixa pelo valor, receio ou até mesmo vergonha.

Para os policiais, o homem não deu detalhes sobre os furtos, apenas disse que cometia os crimes em vários locais.

Compartilhe!