Bispo de Limeira Dom Vilson deve renunciar nesta sexta-feira

Compartilhe!

O Bispo Diocesano de Limeira, Dom Vilson Dias de Oliveira deve renunciar ao seu posto na Igreja nesta próxima sexta-feira (17), segundo informações obtidas pelo Rápido no Ar com uma fonte ligada diretamente a ele. Segundo a fonte que pediu total anonimato, o próprio bispo teria comentado que iria renunciar devido a situação e faria isso na próxima sexta-feira (17).

Dom Vilson teve seu nome envolvido em um suposto caso de extorsão e coação, como foi mostrado aqui no Rápido no Ar, além de ser investigado pela suspeita de que teria acobertado denúncias de abuso sexual de menores envolvendo o padre Pedro Leandro Ricardo, na Basílica Santuário Santo Antônio de Pádua, em Americana (SP).

O bispo também teve seu nome citado em outra ocorrência envolvendo um caso de suposta extorsão.

Um depoimento do padre Ângelo Francisco Rossi feito na Delegacia Seccional de Americana (SP), ele teria relatado que o bispo teria pedido R$ 50 mil para a compra de armários para sua própria casa na cidade de Guaíra (SP).

Na manhã desta quarta-feira (15), o Papa Francisco nomeou o novo Arcebispo Metropolitano de Campinas (SP). Dom João Inácio Müller assume o posto, após ser designado no início do ano para investigar as denúncias envolvendo o bispo Don Vilson e outros padres na região de Campinas.

PADRE LEANDRO

O padre Leandro é investigado por denúncias de quatro abusos sexuais. Após a abertura das investigações, ele foi afastado da função de pároco da Basílica de Santo Antônio de Pádua, em Americana (SP), pelo próprio bispo Don.

No dia 27 de janeiro, dom Vilson suspendeu o padre Leandro de suas funções na Diocese por tempo indeterminado.

Em nota, a Basílica alegou que o reitor padre Leandro Ricardo estaria sendo vítima de uma intensa campanha de difamação. ‘Pessoas mal-intencionadas, que se escondem no anonimato, disseminam mentiras na imprensa e nas redes sociais.’, afirma o texto.

A assessoria de imprensa de Dom Vilson, alegou que ainda não tem uma informação oficial sobre esse caso e que nessa quinta-feira (16) haverá uma resposta oficial.

Compartilhe!