Bucks fecham série contra Celtics e passam à final do Leste; Warriors abrem 3 a 2

Compartilhe!

Melhor campanha da temporada regular da NBA, o Milwaukee Bucks é a primeira equipe a conseguir a classificação às finais de conferência da liga. A vaga foi garantida na rodada de quarta-feira dos playoffs com a tranquila vitória sobre o Boston Celtics por 116 a 91, em casa, no ginásio BMO Harris Bradley Center, em Milwaukee, que fez a série semifinal do Leste ser fechada em 4 a 1. O time de Massachusetts havia vencido o primeiro jogo, como visitante, mas não teve forças contra o rival.

Essa é a primeira vez que os Bucks se classificam à final da Conferência Leste após 18 anos. Em 2001, o time de Wisconsin perdeu por 4 a 3 para o Philadelphia 76ers, de Allen Iverson, que na grande decisão da NBA caiu para o Los Angeles Lakers de Kobe Bryant e Shaquille O´Neal. Agora enfrentará Toronto Raptors ou Philadelphia 76ers, que duelarão nesta quinta-feira, às 21 horas (de Brasília), na Filadélfia. A franquia do Canadá lidera a série por 3 a 2.

Para avançar, os Bucks mais uma vez mostraram a força do elenco na série. O pivô grego Giannis Antetokounmpo foi o cestinha com 20 pontos e ainda contribuiu com oito rebotes e oito assistências. Entre os outros titulares, Khris Middleton fechou o confronto com 19 pontos, oito rebotes e cinco assistências; Eric Bledsoe teve 18 pontos e seis rebotes; e Nikola Mirotic anotou um “double-double” de 10 pontos e 11 rebotes.

O banco de reservas novamente foi eficiente. George Hill conquistou 16 pontos, Ersan Ilyasova fez 10 e agarrou seis rebotes; Malcolm Brogdon anotou 10 pontos e Pat Connaughton teve somente sete pontos, mas apanhou 11 rebotes.

No lado dos Celtics, Kyrie Irving foi o cestinha, mas com somente 15 pontos. Jayson Tatum fez 14 e agarrou seis rebotes e Jaylen Brown finalizou a partida com 12 pontos. Entre os reservas, destaque para Marcus Morris com um “double-double” de 14 pontos e 11 rebotes.

NO OESTE – No duelo mais esperado dos playoffs, o Golden State Warriors derrotou o Houston Rockets por 104 a 99, em Oakland, e abriu 3 a 2 na série melhor de sete pela semifinal do Oeste. Para isso, superou até a lesão do ala Kevin Durant, que deixou a partida no final do terceiro período com uma lesão muscular, que pode ser um estiramento na panturrilha direita.

Antes de sair do jogo, Durant havia marcado 22 pontos e viu do banco de reservas os seus companheiros brilharem em quadra. O ala Klay Thompson foi o cestinha com 27 pontos, seguido do armador Stephen Curry, que terminou com 25 – sendo 20 apenas no segundo tempo. Draymond Green esteve perto de um “triple-double” com oito pontos, 12 rebotes e 11 assistências.

Nos Rockets, os 31 pontos e oito assistências do astro James Harden não foram suficientes. Eric Gordon anotou outros 19 pontos e PJ Tucker teve um “double-double” de 13 pontos e 10 rebotes. O pivô brasileiro Nenê Hilário contribuiu com apenas seis pontos.

Agora o time do Texas terá a missão de vencer em casa, nesta sexta-feira, às 22 horas (de Brasília), para empatar a série e forçar o sétimo e decisivo jogo no domingo, na Califórnia. Quem passar pegará na final do Oeste o ganhador de Denver Nuggets x Portland Trail Blazers. A franquia do Colorado lidera por 3 a 2 e tentará a vaga nesta quinta, às 23h30, em Portland.

Compartilhe!