Um homem de 41 anos foi preso neste domingo (22), em Hortolândia. Ele é suspeito de matar sua ex-mulher, de 43 anos, e colocar fogo em seu veículo, um Fiat Uno, com o corpo da mulher no porta-malas.

De acordo com a Polícia Militar, o veículo foi localizado na noite de sábado (21) totalmente destruído pelas chamas. Um corpo foi localizado no porta-malas. Com a identificação do veículo em mãos, os policias foram até o endereço do proprietário.

Chegando ao imóvel, encontraram o homem, um autônomo, com alguns sinais de arranhões pelo corpo. Ele contou que vivia com sua ex-mulher, mas estaria em processo de separação.

Indagado sobre os ferimentos, ele alegou que teria se machucado com arame e depois mudou a versão e falou que teria discutido com uma amante na cidade de Sumaré (SP), mas não soube explicar onde essa mulher morava.

Após as explicações dadas por ele, os policias então contaram que encontraram seu veículo e o corpo de sua ex-mulher carbonizado no porta-malas. Ao contarem isso, os PMs relataram no boletim de ocorrência que o homem não apresentou nenhum sinal de surpresa, se demonstrando ‘frio e tranquilo’.

A filha do casal, que estava na residência de uma amiga, contou que teria saído de casa por volta das 19h de sábado, e o pai não apresentava nenhum arranhão.

O homem foi preso em flagrante e encaminhado para o Plantão Policia de Hortolândia. O corpo da vítima foi encaminhado para o IML (Instituo Médico Legal) e será enterrado nesta segunda-feira (23), no Cemitério Municipal de Sumaré.

Veja também:

Loading Facebook Comments ...

You must fill in your Disqus "shortname" in the Comments Evolved plugin options.