Mulher que morreu após atropelar vaca com carro de luxo é sepultada em Jandira

Juliana chegou a ser socorrida, mas não resistiu aos ferimentos.
Compartilhe!

A motorista, de 35 anos, que morreu após atropelar uma vaca na Rodovia Engenheiro Ermênio de Oliveira Penteado, na região de Indaiatuba (SP), na madrugada desta segunda-feira (12) foi sepultada na tarde de hoje em Jandira (SP). Juliana de Souza Gatti chegou a ser socorrida, mas não resistiu aos ferimentos.

O acidente aconteceu por volta das 1h20, no quilômetro 56, da rodovia. Juliana dirigia um Porsche Carrera 911, e seguia sentido Campinas, quando atingiu uma vaca, que estava na via. Em seguia ela perdeu o controle da direção e capotou o veículo.

Equipes de resgate da concessionária, que administra a via, chegaram a socorrê-la, mas ela morreu ao dar entrada no hospital. Um passageiro, de 33 anos, teve apenas ferimentos leves e foi atendido no local.

Um caminhão que seguia no mesmo sentido, também atropelou o animal, mas o motorista não se feriu.

A família de Juliana é proprietária de uma loja de veículos em Osasco. Ela foi velada e sepultada no Cemitério Parque Nova Jandira, em Jandira, na região Osasco, na Grande São Paulo.

Compartilhe!