Polícia Civil detém três e descobre esquema de lavagem de dinheiro no interior de SP

Compartilhe!

A Polícia Civil deteve três pessoas por lavagem de dinheiro e identificou uma fraude financeira, na tarde de sexta-feira (23), em uma agência bancária, no centro de São José do Rio Preto.

Policiais do Grupo de Operações Especiais (GOE) do município, foram ao local após receberem informações sobre operações financeiras suspeitas que estavam ocorrendo em um banco na rua Voluntários de São Paulo.

Após monitoramento, identificaram o primeiro suspeito, de 39 anos. Com ele foram encontrados os comprovantes de transferências e depósitos que correspondiam a mais R$ 45 milhões para contas de terceiros, além de R$ 6.950 em espécie e um veículo Toyota/Hilux.

Os demais envolvidos – um homem, 36, e uma mulher, 50, acabaram detidos em um hotel próximo a agência, sendo localizados outros comprovantes bancários e R$ 764.

Os policiais descobriram que o trio fazia parte de um esquema de fraudes bancárias e que haviam recebido mais de R$ 59 milhões, desviados de contas inativas, de funcionários de um banco no Estado do Ceará.

Todo o dinheiro foi bloqueado e o veículo apreendido. Eles foram presos em flagrante e levados à Delegacia de Investigações Gerais (DIG) da cidade, onde a ocorrência foi registrada como lavagem de dinheiro.

A Polícia Civil do Ceará foi acionada para identificar e prender os demais envolvidos.

Compartilhe!