Tuchel diz que Neymar ‘vai jogar se a situação entre ele e o clube estiver clara’

Compartilhe!

O técnico do Paris Saint-Germain, Thomas Tuchel, afirmou neste sábado, em entrevista coletiva, que Neymar está plenamente recuperado da lesão no tornozelo direito que o tirou da disputa da Copa América e pronto para voltar a jogar.

No entanto, o treinador alemão não garantiu a presença do craque brasileiro na lista de relacionados para o confronto deste domingo contra o Toulouse, pela terceira rodada do Campeonato Francês. O motivo, claro, é a indefinição do futuro do jogador. O técnico condicionou a presença de Neymar em campo à resolução do imbróglio.

“Ele pode jogar se a situação entre o clube e ele estiver clara”, disse Tuchel. “Hoje não, amanhã (domingo) pode ser esclarecida”, continuou.

Mais uma vez bombardeado de perguntas na coletiva sobre a permanência ou não de Neymar no PSG, Tuchel se limitou a comentar a condição física do atacante, que, segundo ele, é boa, e indicou que a decisão de relacionar o jogador para a partida será do clube.

“A primeira coisa que posso dizer é que Neymar está a cada dia melhor fisicamente. Ele fez uma boa semana com toda a equipe, com um bom volume de jogo e intensidade. Ele treinou com um ótimo estado de espírito e grande qualidade. Por outro lado, a situação entre ele e o clube segue a mesma”, afirmou o comandante.

A novela envolvendo o futuro de Neymar precisa acabar até o dia 2 de setembro, data em que fecha a janela de transferência europeia. Segundo a imprensa espanhola, Real Madrid e Barcelona são os favoritos na briga para contar com o craque brasileiro.

“Melhor você falar com Leonardo (diretor esportivo do PSG), com o clube”, respondeu o técnico ao ser indagado se a escalação do brasileira significaria a permanência dele no clube francês. “Eu treinei todo o grupo, ele está cada vez melhor fisicamente. É possível que jogue amanhã (domingo) se a situação estiver clara. Hoje, não está clara. Pode ser que amanhã esteja clara e ele jogue”, completou.

Sem Neymar, o Paris Saint-Germain, atual bicampeão francês, estreou com vitória por 3 a 0 sobre o Nîmes e perdeu a partida seguinte para o Rennes, por 2 a 1, fora de casa. Ocupa a oitava colocação na tabela.

Compartilhe!